Eterno arquivo do que já não interessa
Vazio Infinito

domingo, 23 de maio de 2010

Flores

Deixo-lhe as flores.
As lembranças das dores
As fotos de todas as cores
As palavras de alguns amores

Deixe minhas dores
E talvez poucas flores
Se ainda houverem amores
Ou fotos de todas as cores

Deixaram as cores
Levaram vários amores
Palavras de várias dores
Pisaram nas flores

Não há amores
Nem mesmo as cores
Que habitavam as flores
Deixaram só dores,
Só dores

Nenhum comentário:

Postar um comentário