Eterno arquivo do que já não interessa
Vazio Infinito

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Novidades

Anunciando novidades que só valem para mim
É isso que eu faço nesse espaço que me cabe
É isso que eu faço com o tempo que me cabe
É isso que importa quando diz respeito a mim

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Frases Curtas

Tenho escrito frases curtas, que não enchem minha cabeça
Sigo a minha natureza, nada é muito diferente
A gente tenta um pouco mais se adequar à correnteza
É costume persistir pra ver se algo vai pra frente

Tenho escrito frases curtas sobre o que quero esquecer
Cicatrizando toques que marcaram minha pele
Poesias mais baratas que nunca eu tornei a ler
Um diário todo feito pra que o tempo não revele

Tenho escrito frases curtas, sem motivo, sem valor
Sobre como as coisas curtas marcam involuntariamente
O restante do meu dia tenho doado ao meu torpor
Pra que as frases curtas não se alonguem em minha mente

Tenho escrito frases curtas e já tão repetitivas
Como as poesias vivas que escrevi pra estes momentos
Acho que gosto das palavras, elas são definitivas
Evito sempre toda gente que só fica por um tempo

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Ritual Visual

E a fumaça para o tempo toda cor se misturou
Do pouco que sobrou nós não iremos nos lembrar
Deixa o escuro te contar o que você sempre buscou

Quem eu sou?
Há dias eu me sinto louco
E o tempo tem passado pouco

As folhas assobiam mas é tudo outro segredo
É que o homem sente medo de tudo que é oculto
Deixa o coração bater no susto aceita o desacerto
Que eu aceito que nós nunca mais conseguiremos
Nunca mais encontraremos o fundo disso tudo
Nunca mais mudar o mundo, entender o absurdo
Que é viver no mundo que é real

Realidade vai voltando, mas a gente vai fugir
Pra nunca ter que existir pela força do costume
Deixa a dor pra quem não se assume e busca o Ritual
Visual, deus sussurra em teu ouvido, tudo fica divertido
E a fumaça para o tempo
toda cor se misturou e do pouco que sobrou
Nós não iremos nos lembrar de como era antes
Reconhecer os semelhantes que ficam para trás
Escolhem o cotidiano seguem por seguir o plano real

Habitual
Eu sempre nego o que é real
Danço em qualquer ritual visual