Histórias passadas de coisas não tão passadas assim

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Fotografia

O que há de errado nessa fotografia?
Nada de má energia
E eu, sem porquê, sorria
Talvez pela tarde fria.

Nos meus olhos, nem sombra de passado
Nada parece errado
Nada a ser lembrado
Nada a ser marcado

Nada errado na cor da grama
Nem meus olhos (de quem ama)
Nada errado na ciranda
Na fachada, na varanda
O que há de errado no retrato?
Ah... É só você, bem ao meu lado

Nenhum comentário:

Postar um comentário