Eterno arquivo do que já não interessa
Vazio Infinito

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Uma Vida Mais Feliz

Nasça.
Cresça? Não necessariamente, hoje não é uma obrigação social, só biológica.
Seja você, mas lembre-se que você é igual aos outros.
Cuidado, não tente ser diferente, pode ser perigoso...
Se vista igual, roupas de marcas famosas, sapatos que todo mundo tem, óculos da moda.
Veja os mesmo filmes, leia os mesmos livros, escute as mesmas músicas e goste. Não tente mudar isso.
Corte seu cabelo, regularmente. Tatuagens? Apenas se forem compreensíveis, ou melhor, se não significarem nada. Aliás, não signifique nada, afinal, quem liga pra você?
Não fume, nada. Não beba, mas diga que bebe, muito. Pratique esportes.
Sexta-feira a tarde vá ao cinema com os seus amigos, que são muito diferentes de você, e por isso são seus amigos. Na verdade eles são iguais, mas isso não vem ao caso.
Estude, ou pelo menos finja. Passe no vestibular, mas em cursos desinteressantes que são especialistas em formas pessoas frustradas, não bons profissionais.
Agrade seus pais e assim ganhe seu dinheiro. Finja que se esforçou pra isso.
Seja bom e bonito. Escove seus dentes, com o creme dental da propaganda, afinal você também quer beijar todas aquelas menininhas lindas do comercial.
Seja bom, de novo. Ser bom nunca é pouco, lembre-se disso. Ajude os outros, mas só por você e não por eles. Afinal, você não está ajudando mesmo, no máximo se livrando daquelas roupas velhas do guarda roupa, e olhe só, ainda ganha uma carga altíssima de satisfação pessoal. Fez sua boa ação do dia.
Forme-se, naquele curso que você "sempre quis" e coincidentemente seus pais também. Ah, e também era o curso daquele cara da novela que ganhava muito dinheiro, tinha carros importados, namorava a modelo e na verdade, não trabalhava. Descubra que a vida não é simples assim.
Você já se formou? Ótimo, agora volte a estudar e se forme mais algumas vezes, porque você quer ser o melhor...
Na verdade você não sabe de nada, mas recebe seu salário mediocremente alto no final do mês e pode continuar comprando as mesmas roupas... e os mesmo sapatos.
Perceba que todos os seus amigos são iguais a você. Mas agora você já está velho demais pra mudar, e no mais eles são os SEUS AMIGOS, que sempre te acompanham em tudo. E tudo é igual. E eles sempre estão lá, pra fazer ser mais igual ainda.
Encontre a mulher da sua vida, mas descubra que ela não é nada pra você. Descubra também que é muito fácil se acomodar com um relacionamento onde vocês só se vêem nas noites de sexta e nos finais de semana. Muito fácil.
Case-se. Tenha filhos. Reze pra que eles sejam iguais a você. Mas pensando bem, eles não devem cometer os seus erros, eles tem que ser melhores que você. Se frustre. Descubra que não sabes nada sobre eles, da mesma forma que seus pais não sabiam nada sobre você. Mas eles usam as mesmas roupas, os mesmos sapatos. Vêem os mesmos filmes, lêem os mesmos livros, escutam as mesmas músicas. Coincidentemente, eles fazem aquele curso dos seus sonhos, que você não fez, só pra te agradar.
Finja que é feliz, mas só pra não gerar comentários maldosos a seu respeito lá na firma.
Aposente-se, tenha uma velhice de esquecimento, você esquece e eles te esquecem.
Morra, só.
E é só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário