Histórias passadas de coisas não tão passadas assim

sábado, 9 de outubro de 2010

Equinócio

"Aprendi com as Primaveras a me deixar cortar para poder voltar sempre inteira."

Cecília Meireles

Aprendi a gostar das Primaveras,
a esperar-te na porta, sem nem ao menos saber se um dia de fato voltarias.

Aprendi também a temer os Invernos,
que sempre vêm destruir tudo o que eu havia plantado,e guardado pra te dar.

Aprendi que as Primaveras nem sempre vêm,
mas quando estão aqui são suficientes pra me resgatar de um insensato desejo

Aprendi que os Invernos as vezes não acabam,
prendem-se a mim e vão congelando cada parte do meu corpo, até mesmo meu pobre coração

Aprendi que a Primavera me da coragem
e só pede em troca que eu de fato a use

Enquanto o Inverno me da apenas angústia
Solidão e alguma inspiração pra que me mascare, ou não

Aprendi que posso ser bem mais feliz vivendo a Primavera do que esperando o Inverno acabar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário