Histórias passadas de coisas não tão passadas assim

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Amor e Felicidade

Passei muito tempo te esperando, agora vou passar muito tempo olhando nos seus olhos e mexendo em teus cabelos. Os traços do seu rosto vão se render aos meus sorrisos, sei que vão. Quanto aos teus sorrisos, cada um deles vai me dizer sobre a nossa alegria. Eu já até sei como encaixar os meus sonhos nos seus, assim mesmo, perfeitamente. O som das suas palavras vai inundar a minha casa. Já até posso sentir o suor em sua mão e os tremores em seus pés. Você já é a minha realidade, nossa maior distância agora será o tamanho de meus braços.

Já sabes que não é irreal. Já sabes que a dificuldade não é maior que nossa vontade. Sim, tudo isso está acontecendo. Se o amor era grande demais para o tamanho de seu corpo, agora teremos que suportá-lo na extensão dos nossos corpos juntos. O tempo foi quase nada, mas foi crucial pra te fazer o que és em minha vida, um sonho, um sonho que já vai se realizar. O primeiro olhar será puro choque, nem quero mais pensar no primeiro toque, pretendo continuar a escrever. Eu já sou teu há tantos dias, todos os dias que passamos juntos na distância. Distância que já nem existe mais, então segura essas palavras com tuas mãos e pode enfim sorrir para mim.

Doentes ou não, já não há mais tempo para outras receitas, já achei em ti qualquer remédio que preciso. A gente agora já precisa de novas linhas pra cruzar, porque você já está aqui, minha pequena. O ponto que a gente julga comum é talvez o mais bonito, vamos poder falar as mesmas coisas um pro outro, sem o receio da distância, bem juntos. Ou melhor, juntinhos.

Os movimentos da sua boca agora convergem para a minha e em minhas mãos se encaixa o seu pescoço. Já somos maiores e melhores, porque agora somos tudo isso juntos. Será que é realmente isso que desejas? Sem falar de mais futuros, agora só quero curtir o presente que é você, cada momento contigo. NADA me fará mais feliz.

E agora seus olhos são apenas meus, ainda me questiono de onde pode vir tanta beleza. Estou mais do que certo que nunca vi nada assim. Não é loucura. Não é ilusão. Não é burrice. Você existe em minha vida com dois nomes:
Amor e Felicidade

Um comentário: