Histórias passadas de coisas não tão passadas assim

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Quatro

Por um momento eu te amei de novo

Por um momento eu te amei muito e quis te carregar comigo, pegar a sua mão e puxar você pra consciência que você esqueceu há tanto tempo. Quis abrir teus olhos e te explicar que você é linda, mas não precisa se afirmar nos elogios que as pessoas vomitam em você. Quis ver você tropeçar nos próprios pés só pra suspirar aliviado e pensar sozinho "eu amo esse desastre". 

Nesse momento eu quis muito ter você aqui comigo, tirar sua roupa e morrer de calor com você grudada em você, quis morrer várias vezes e depois abrir os olhos pra te ver aqui de novo. Por um momento eu senti saudade de sentir raiva da sua boca enorme que só fala bobagens e quis te calar com a minha, que há tanto só te desmerece. 

Tive certeza de que era com você e que era você e que eu só poderia ser feliz se fossemos nós. Quis gritar isso tão alto que você escutaria, mesmo estando em outro estado de espírito, porque a distância entre nós é muito pouca sempre e essas fronteiras estaduais não são mais do que casas nos jogos de tabuleiro, é só contar com a sorte e fazer a jogada certa. Que tal cumprir esse objetivo? Divirta-me.

Aí eu quis te chacoalhar bem forte, porque nós dois sabemos que eu sou a pessoa que te quis bem o tempo todo, mesmo quando você perdeu sua juventude e saúde com esses rapazes que ainda te roubam o sono. Eu grito muito forte e estapeio a tua realidade, mas é pra ver se você se apega à grosseria em mim como um caminho para a real mudança. Eu também erro, mas com você eu admito ter acertado mais vezes.

E por esse momento eu te amei pra sempre, por esse momento eu fui mais seu do que eu já tinha sido de qualquer outra pessoa, por esse momento eu conclui que queria todos os outros momentos com você, por esse momento eu senti as suas palavras bem fundo na minha pele, por esse momento meu esforço foi compensado e a falsa sinceridade se desfez no outono que eu me entreguei a você. 

Nesse momento, quatro anos após o momento que eu já não era mais seu, eu fui apenas seu.
Nesse momento eu te amei
e amo e grito isso pra você
gravo minhas palavras

Mas então você passou direto pela minha poesia escancarada em tua janela
Mas então você passou por mim e disse que eras de outros
Mas então você passou por tudo e me deixou guardado em outros anos
E passou

Nenhum comentário:

Postar um comentário