Histórias passadas de coisas não tão passadas assim

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Mais um pouco

Não vai
Fica, espera mais um pouco, me dá a chance de te falar as coisas que guardei pra te falar ao pé do ouvido, me dá a chance de gastar o carinho que guardei pra ti.

Não vai
Espera e deixa que eu te explique o que você não entende agora, que não vai ser fácil por hoje, mas a gente pode tentar mais uma vez, na segunda é tão mais fácil

Não vai não, fica.
Ou então me fala pra onde tá indo, porque é difícil te alcançar onde você já está, sem saber de nada vai ser bem pior.
Só fica, só me escuta. Sua pouca idade não detém essa sabedoria que você julga, escuta o que eu te falo, eu sou quem tu és amanhã.

Me escuta dizendo as palavras que queria ouvir
Mas fica
nem que seja pra ouvir pela última vez

Nenhum comentário:

Postar um comentário